CEASAMINAS - Centrais de Abastecimento de Minas Gerais S.A.
  Contagem, quarta-feira, 21 de novembro de 2018.

Cebola atinge menor preço do ano no atacado

Um dos itens mais básicos na mesa dos consumidores, a cebola volta a ser destaque entre os hortigranjeiros mais baratos na CeasaMinas. Nesse mês de agosto, a cebola amarela apresentou o menor preço médio de 2018 até o momento, ficando em R$ 1,07/kg, no atacado do entreposto de Contagem. O valor é 18% menor que agosto de 2017, e 17% inferior ao último mês de julho. O produto ocupa o terceiro lugar entre as hortaliças mais importantes comercializadas na CeasaMinas, atrás de batata e tomate.

Para se ter uma ideia da redução de preço, o valor praticado em agosto deste ano é o segundo mais baixo desde 2014, superando apenas o verificado em 2016 (R$ 1,00/kg).

De acordo o gerente da empresa atacadista São Judas Tadeu, Ricardo Moreira, a queda se deu principalmente por dois fatores: a menor procura, por causa da crise econômica, e o excesso de oferta.

Ao contrário do que muitos podem imaginar, segundo Moreira, a forte desvalorização do preço da cebola não tem sido acompanhada por um aumento da procura. "Estimamos uma redução de 50% na demanda pela mercadoria", ressalta o lojista, que atua no entreposto de Contagem. Já o aumento da oferta, de acordo com ele, está ligado ao fato de muitos produtores se verem estimulados a ampliarem suas áreas plantadas, em razão dos preços mais altos da safra anterior.

No último mês de maio, por exemplo, a cebola chegou a ser comercializada a R$ 3,07/kg, no atacado. O preço maior foi resultado principalmente da menor oferta geral, mas também da grande participação da cebola importada, que chegou a ser responsável por 28% da oferta naquele mês.

"Aqui temos cebola pela qual pagamos R$ 15 (saco de 20 kg) ao fornecedor. Na hora de revendermos, se o comprador pechinchar ele pode conseguir até por R$ 13 no mercado. Ou seja, não cobre nem o custo da loja", lamenta.

Maior participação mineira

Outro dado que chama atenção é o aumento da participação dos municípios mineiros na oferta de cebola. Em agosto de 2017, Minas Gerais era responsável por 50% do volume, e, no mês passado, passou a responder por 58%. Segundo o chefe da Seção de Informações de Mercado da CeasaMinas, Ricardo Fernandes Martins, o crescimento pode ter sido motivado pelos bons preços pagos ao produtor no início deste ano.

O atacadista Francisco Carlos de Jesus Junior, da empresa Faju, também instalada na CeasaMinas, não consegue prever quando o preço começará a reagir. "Em novembro, teremos também a entrada de mercadorias vindas da Santa Catarina, que vão se somar à grande oferta atual", afirma. O comerciante reclama da falta de uma produção programada, de modo a permitir o controle do que será cultivado, evitando, assim, grandes picos de ofertas e preços.

Cebola estocada

Uma das estratégias utilizados pelo produtor rural Marcos Vinícius a fim de minimizar os efeitos da queda de preço tem sido a estocagem do produto na lavoura. "Se trouxermos toda a nossa cebola para o entreposto, sabemos da dificuldade que será para vender", justifica o representante dele no Mercado Livre do Produtor da CeasaMinas em Contagem, vendedor Lucas Geraldo Mendonça.

Segundo Mendonça, a propriedade rural localizada em São Gotardo (MG), na região do Alto Paranaíba, está com mais da metade da produção estocada, principalmente da cebola extra (com pele). "A extra é mais valorizada e possui maior durabilidade. Já cebola "branca" (sem pele), não temos como estocar, é mais perecível, só dura em torno de 1 mês", explica.

Ao consumidor, resta aproveitar o período para economizar, pois, de acordo com o calendário de comercialização da CeasaMinas, a previsão é que a cebola apresente preços menores pelo menos até o fim do ano.

O Boletim Diário de Preços e outros dados ligados à comercialização podem ser consultados no site da CeasaMinas, no link Informações de Mercado.

Mais informações:
Departamento de Comunicação CeasaMinas: (31) 3399-2011/2035/2036


Notícia de 04/09/2018.

Endereços:
Unidade de Contagem
Rodovia BR-040 km 688 - Kennedy
Contagem, MG, Brasil. CEP: 32.145-900
Telefone: (31)3399-2050

Unidade de Uberlândia
Rodovia BR-050 KM 76 - Segismundo Pereira
Uberlândia, MG, Brasil. CEP: 38.408-369
Telefone: (34)3234-1277

Unidade de Juiz de Fora
Avenida Doutor Simeão de Faria, nº 2525 - Santa Cruz
Juiz de Fora, MG, Brasil. CEP: 36.088-000
Telefone: (32)3222-5460

Unidade de Barbacena
Rodovia BR-040, km 698 - Caiçara
Barbacena, MG, Brasil. CEP: 36.204-666
Telefone: (32)3331-6242

Unidade de Caratinga
Rodovia BR 116, Km 529 - Nossa Senhora das Graças
Caratinga, MG, Brasil. CEP: 35.300-970
Telefone: (33)3321-7243

Unidade de Governador Valadares
Rodovia BR 116, Km 413 - Turmalina
Governador Valadares, MG, Brasil. CEP: 35.042-060
Telefone: (33)3221-2979



Copyright © - Todos os direitos reservados - Centrais de Abastecimento de Minas Gerais S.A.
DETIN - Departamento de Tecnologia da Informação da CeasaMinas.